Buscar
  • Vip Shore

MAMOPLASTIA DE AUMENTO

Estética, autoestima, beleza, não importa o motivo. Muitas mulheres têm o sonho de implantar próteses de silicone nos seios, a chamada mamoplastia de aumento. O objetivo primário desta cirurgia é dar volume ou restaurar o volume mamário após a gravidez/amamentação, ou em caso de significativa redução de peso.


Segundo estatísticas da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps), 86,2% das cirurgias plásticas no mundo são realizadas por mulheres. O aumento de seios continua sendo o campeão: 15,8% entre os cerca de 2,5 milhões de procedimentos registrados, em média, a cada ano. Para tirar as dúvidas sobre este tema, a Vip Shore conversa com o cirurgião plástico Jair Maciel, da Clínica Deseo, de Balneário Camboriú/SC.


A principal orientação para as pessoas que têm intenção de aumentar os seios é identificar se o médico escolhido para o procedimento é um cirurgião plástico e se ele está cadastrado como membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Esta informação é facilmente localizada no site www.cirurgiaplastica.org.br. “Pode parecer óbvio ou uma brincadeira, mas não é. Infelizmente, há médicos aqui mesmo em nossa região que executam este tipo de cirurgia, mas não são cirurgiões plásticos”, alerta Jair Maciel.


É recomendável, ainda, que a paciente procure tomar conhecimento dos resultados do mesmo procedimento em outras pacientes que tenham sido operadas pelo cirurgião pretendido, para verificar se ficaram de acordo com o que procuram. Também é fundamental escolher o período certo para a cirurgia, tendo em vista o tempo mínimo de recuperação, pelo menos duas semanas de repouso.


TAMANHO IDEAL


Incontáveis são os casos de pessoas com implantes muito grandes, até mesmo desproporcionais levando-se em conta a compleição física. Para o especialista Jair Maciel, a cirurgia plástica moderna visa a naturalidade, associada à sofisticação. “Os exageros devem ser evitados sempre. O que está em alta é a naturalidade. Evitar excessos e exageros é fundamental. Antigamente, o critério de escolha para o implante mamário era subjetivo: o cirurgião avaliava a paciente e definia. Hoje, os critérios são objetivos. Fazemos medidas do tórax, da largura da mama, da distensibilidade da pele, do tamanho inicial da mama. Com essas medidas inseridas num protocolo, indicamos o tamanho ideal da prótese ”, explica o cirurgião.


A RECUPERAÇÃO


Sobre a recuperação pós-cirurgia de aumento de mamas, há cada vez mais anúncios de clínicas e profissionais divulgando um tempo recorde para as pacientes voltarem às suas atividades: um dia. Para o cirurgião Jair Maciel, isso não é real. “A recuperação relâmpago de 24 horas, através de exercícios com os braços já no dia da cirurgia, que seria uma técnica mais refinada, menos traumática, na verdade isso não existe”, alerta. “É apenas um apelo marketeiro de alguns profissionais tentando se destacar no mercado e atrair mais pacientes. Não há nenhuma recomendação nesse sentido, nem pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, tampouco pelas sociedades americana ou europeias. A recuperação recomendada por um profissional sério é aquela que se baseia em repouso parcial dos braços, principalmente nas primeiras duas semanas, e exercícios físicos mais rigorosos a partir do segundo mês”, completa o médico.


Divulgação/Pixabay

54 visualizações
Logo Cuidar .jpg
Logo Salesiano -Itajai.png
1.jpg
enio logotipo.png
wizard.png
forsafe LOGO.jpg
Logo Porto Grill.png
logo REMAX.jpg
sakai logo.jpg
VJP_NÁUTICA_logo.jpg

Centro Empresarial Sibara

Avenida Brasil, 1500, sala 317

Centro | Balneário Camboriú

88.330-901

  • YouTube - Black Circle
  • instagram.com/vipshore
  • Facebook - Black Circle

CONTATO:  (47) 3264.9639  |  3361.0191   |   3398.3820   |   9936.0147