Buscar
  • Vip Shore

Ferrari SF90, a superpoderosa chegou!

Já imaginou pisar no acelerador e chegar a 200 km em menos de sete segundos? Uau! É só acelerar a Ferrari Stradale SF 90. O novo modelo da marca é híbrido (elétrico e gasolina) e representa uma verdadeira mudança de paradigma, porque proporciona um desempenho sem precedentes.

É a primeira vez na história da marca que um carro com tração nas quatro rodas explora a incrível potência liberada pelo motor híbrido, e se torna um novo marco: 0-100km/h em 2,5 seg e 0-200km/h em apenas 6,7 segundos. O SF90 Stradale tem um motor turbo V8 de 90° capaz de fornecer 780 cv, a potência máxima de qualquer um dos oito cilindros da história da Ferrari. Os 220 cv restantes são entregues por três motores elétricos. Este sistema sofisticado também é simples, pois o motorista precisa somente selecionar um dos quatro modos de potência e dirigir.


Divulgação/Ferrari

Extremo em todos os níveis

O nome do carro retrata o verdadeiro significado de tudo o que foi alcançado em termos de desempenho. A referência ao 90º aniversário de fundação da Scuderia ressalta a forte ligação que sempre existiu entre os carros de pista e de estrada da Ferrari. Os engenheiros da marca conseguiram ampliar ainda mais o espectro de controles dinâmicos, introduzindo o eixo dianteiro totalmente elétrico, conhecido como RAC-e (Regulador Eletrônico de Configuração de Curvas). Além de fornecer exclusivamente propulsão no acionamento elétrico, os dois motores dianteiros controlam, independentemente, o torque fornecido às duas rodas, estendendo o conceito de vetorização. Totalmente integrado aos controles de dinâmica do veículo, o RAC-e controla a distribuição de torque, tornando a condução no limite muito mais simples e fácil.

Arquitetura híbrida


A introdução desta arquitetura híbrida foi um desafio no que diz respeito à gestão do peso adicional, que foi resolvido por uma atenção obsessiva aos detalhes e a otimização geral de todo o carro. Para um desempenho máximo em termos de peso total, rigidez e centro de gravidade, o chassi e a carroceria do SF90 Stradale são todos novos, construídos usando tecnologia multimaterial, incluindo, por exemplo, fibra de carbono.

Outra grande inovação é o volante, que agora tem um touchpad e uma série de botões táteis que permitem ao motorista controlar praticamente todos os comandos do carro usando apenas os polegares. O painel de instrumentos central é totalmente digital, com a primeira aplicação automotiva de uma tela HD curvada de 16” que pode ser totalmente configurada e acessada usando os controles no volante.

Customizável

Pela primeira vez numa Ferrari os clientes podem escolher entre o carro padrão e uma versão mais esportiva. O modelo Asseo Fiorano inclui atualizações significativas, incluindo amortecedores Multimatic derivados de corridas GT especiais, recursos extra leves feitos de materiais de alto desempenho como fibra de carbono (painéis de porta, parte inferior da carroceria) e titânio (molas, linha de exaustão), resultando numa economia de peso de 30 quilos. Outra diferença é o spoiler traseiro de fibra de carbono que gera 390 quilos de força descendente a 250 km/h. O Asseo Fiorano oferece pneus Michelin Pilot Sport Cup2 projetados especificamente para melhorar o desempenho em pista seca. Eles apresentam um composto mais suave e menos ranhuras do que os pneus fornecidos como padrão.

Velocidade


O SF90 Stradale ostenta uma transmissão de dupla embreagem e oito velocidades completamente redesenhada. Apesar da adição de uma oitava marcha e do aumento de torque máximo para 900 Nm, o peso total da caixa de câmbio é, na verdade, sete quilos mais leve. Esse número sobe para dez quilos quando a eliminação da marcha ré – agora incorporada na função dos motores elétricos dianteiros – está incluída.

Motores elétricos


O SF90 Stradale está equipado com três motores elétricos capazes de gerar um total de 220 cv (162 kW). Uma bateria de íons de lítio de alto desempenho fornece energia para todos os motores e garante uma faixa de 25 quilômetros no modo eDrive totalmente elétrico, usando apenas o eixo dianteiro. Quando o motor de combustão interna é desligado, os dois motores dianteiros oferecem velocidade máxima de 135 km/h. O inverso só pode ser usado no modo eDrive, o que significa que o carro pode ser manobrado a baixas velocidades sem usar o V8. Os motores dianteiros são integrados na estratégia de controle de lançamento para desempenho máximo ao acelerar.


ASSISTA




0 visualização
Logo Cuidar .jpg
Logo Salesiano -Itajai.png
1.jpg
enio logotipo.png
wizard.png
forsafe LOGO.jpg
Logo Porto Grill.png
logo REMAX.jpg
sakai logo.jpg
VJP_NÁUTICA_logo.jpg

Centro Empresarial Sibara

Avenida Brasil, 1500, sala 317

Centro | Balneário Camboriú

88.330-901

  • YouTube - Black Circle
  • instagram.com/vipshore
  • Facebook - Black Circle

CONTATO:  (47) 3264.9639  |  3361.0191   |   3398.3820   |   9936.0147