Surf

mais que esporte, um estilo de vida

SIGA A VIP SHORE

  • Facebook
  • Instagram

Foto: Moana Filmes

Elas surfam pelos mares do mundo. Com suas pranchas, vencem ondas perigosas, vivem aventuras inesquecíveis e se divertem. A BBQ Only Girls é o primeiro grupo de viagens de surfe feminino do Brasil. Criado em 2012, ele une mulheres apaixonadas por surfe. Não importa a idade, a premissa para fazer parte das equipes que viajam é única: gostar de surfar. A fundadora do grupo, Bruna Queiroz, conta que a ideia de criar a BBQ Only Girls surgiu em 2012, durante uma viagem à Nicarágua. 

Ela relata que conversava com o dono de um hotel quando teve a ideia de criar o grupo, que tornou-se uma alternativa para mulheres que sonham em fazer viagens para surfar, mas às vezes não tem coragem de irem sozinhas, ou não têm companhia. “O primeiro grupo que fez uma viagem deste tipo foi para a Costa Rica. A repercussão desta viagem foi melhor do que eu imaginava, foi muito gratificante poder fazê-la e passar o meu conhecimento e minha experiência para as meninas. Quando voltei, estava super empolgada e determinada para realmente colocar este projeto em ação”, afirma. Depois da Costa Rica, várias viagens já foram organizadas, como para Indonésia, Nicarágua, Fernando de Noronha e Havaí. 

As participantes destas aventuras possuem idades, características e níveis de surfe diferentes. Mas, apesar das diferenças, há algo maior que as une, a paixão pelo esporte. Para elas, o surfe não é apenas um esporte, mas sim um estilo de vida. “O projeto é aberto para meninas que querem aprender e viver esta experiência. Há meninas iniciantes, surfistas profissionais, meninas que nunca surfaram mas querem viver isso. O importante é estar aberta para viver o universo do surfe feminino e aprender com as outras viajantes”, destaca. Bruna conta que já teve grupo de viagem com meninas de 14 e 15 anos, e outros com mulheres de 62. Para ela, o que importa é poder unir meninas e mulheres que tenham a mesma paixão, vivam juntas dias inesquecíveis, sempre com muito alto astral.

Um dos diferenciais das viagens realizadas pela surfista é contar com o apoio de uma filmaker – responsável por fazer todas as filmagens - durante os dias de aventura. Juntas, elas fazem com o grupo um trabalho de análise de correções diárias das ondas que as garotas pegam durante o dia. Como a filmaker registra todas as sessões de surfe, através de vídeos elas podem analisar e corrigir as falhas que cometeram durante a prática.

Apaixonada pelo esporte desde a adolescência, Bruna relata que ainda criança já brincava de bodyboarding. Quando adolescente, começou a ver meninas surfando de prancha e decidiu que queria fazer igual. Atualmente, o surfe é uma das coisas mais importantes de sua vida. “Ele é minha profissão, o meu bem-estar,  meu tesouro, minha terapia, o esporte que eu amo. Ele tem um significado muito grande, quase tudo na minha vida gira em torno do surfe”, comenta. 

Mulheres dominando as ondas

Segundo Bruna, o aumento do público feminino como praticante de surfe nos últimos anos é significativo. Ela conta que, atualmente, o número de mulheres que surfa é muito maior do que na época em que começou a praticar. “É muito bonito de ver porque uma motiva a outra, uma inspira a outra e a gente fica com mais vontade de praticar ao ver uma menina surfando bem”, diz. Ela destaca que este é um novo momento do surfe feminino, que ainda irá crescer muito. Para a surfista, apesar de já ver alguns resultados, como os talentos femininos no esporte em território nacional, são as próximas gerações que vão colher mais os frutos destes novos caminhos que começaram ser descobertos. 

Já sobre o mercado de viagens de surfe para as mulheres, Bruna também diz ser promissor, tanto para as que querem surfar no Brasil, quanto para as que querem viajar para o Exterior. “Eu fico muito feliz por ter sido a mulher que começou a organizar estes grupos apenas com mulheres para viajar fora do Brasil. Também fico muito feliz de ver outras pessoas fazendo este projeto, organizando grupos de mulheres. Acho que estas viagens tendem a ser cada vez mais realizadas, pois tem público e mercado para isso”, finaliza.

 

Depoimentos
 

As mulheres que já puderam participar de uma das viagens organizadas por Bruna, dizem que os momentos vividos são únicos e especiais. Abaixo, você confere o depoimento da surfista, Bianca Lima Pires Xavier.

“Eu sempre quis sair do Brasil em busca da onda perfeita, e também queria fazer uma surf trip. Só que a minha reclamação era sempre a mesma,eu não queria fazer uma surf trip com oito homens e só eu de mulher. Então, o tempo foi passando, até que um dia a Bruna me mandou uma mensagem falando sobre o projeto dela que focava no surf feminino. Ela me convidou para a primeira surf trip dedicada somente ao público feminino. Foi bem legal a experiência, lembro que fomos para a Costa Rica. Na época, eu falava para ela que o projeto dela era muito bacana e que eu iria novamente. Agora, eu já vou para a quarta surf trip.

Uma das histórias que mais marcou minhas surf trips foi em relação ao nome do grupo da Bruna, que é BBQ Only Girls. Quando estávamos fazendo umas filmagens durante a primeira viagem, eu acacei filmando a placa do carro que a gente alugou na Costa Rica, e o carro tinha a placa BBQ. Aí eu pensei que aquilo poderia representar o nome “Barca da Bruna Queiroz”. Lembro que pilhei a Bruna na época, dizendo que tinha que ser aquele o nome do projeto dela. Aí ela pensou e o nome ficou assim. Eu tenho muito orgulho da Bruna, e todas as meninas que voltam das surf trips são felicidade pura!” 

A satisfação em fazer parte das equipes não é somente das participantes, mas também da fundadora da BBQ e organizadora das surf trips, Bruna Queiroz. Ela conta que este projeto é um sonho e, além de ajudar a fortalecer o surf feminino, é uma experiência gratificante, pois une mulheres que tem uma paixão em comum. 

“O que mais marcou a minha vida com estas viagens foram as amizades que fiz, afinal algumas das minhas melhores amigas da vida surgiram deste projeto. Meninas que, acredito, o universo trouxe como um presente para mim. Elas se tornaram super especiais, essenciais na minha vida. A gente montou um grupo muito legal de meninas que já foram nas viagens de surf da BBQ Only Girls. Algumas delas até vieram morar em Maresias, onde eu moro. É muito legal ver tudo isso acontecendo, ver que essa amizade é verdadeira. Cada uma tem sua rotina, algumas tem filhos, outras trabalham em ofícios mais difíceis, mas a gente sempre se doa um pouco para que a gente consiga fazer a vida de alguém mais feliz!” - Fundadora do BBQ Only Girls, Bruna Queiroz.

Abaixo, você pode conhecer um pouco mais dos lugares que as integrantes da BBQ já visitaram nas surf trips. Os vídeos e fotos mostram paisagens deslumbrantes. Confira!

Foto: Samuel Gonzalez

Vídeo: Moana Filmes

Centro Empresarial Sibara

Avenida Brasil, 1500, sala 317

Centro | Balneário Camboriú

88.330-901

  • YouTube - Black Circle
  • instagram.com/vipshore
  • Facebook - Black Circle

CONTATO:  (47) 3264.9639  |  3361.0191   |   3398.3820   |   9936.0147