SUSTENTABILIDADE

catarinenses criam embalagem de cera de abelha

Foto: Divulgação

Fala-se muito em consciência ambiental e consumo consciente. Porém, ainda restam dúvidas quanto aos produtos que podem ser utilizados como alternativa sustentável, e onde encontrá-los. Em Joinville, Santa Catarina, um casal inspirou-se nas abelhas para substituir o plástico-filme (PVC) e o papel alumínio por uma embalagem reutilizável. Trata-se do Keep, um produto que possui como matérias-primas tecido 100% algodão e cera de abelha, e quando chega o final da vida útil pode ser descartado numa composteira.

 

O produto pode ser usado para guardar pratos, pães, pedaços de frutas e legumes, assim como embrulhar sanduíches e lanches para levar ao trabalho ou escola. Outro diferencial é o fato de que pode ser utilizado na pesagem de produtos a granel, e até mesmo como embalagem de sabonetes usados em viagem. A higienização para reuso é simples: basta limpar suavemente com um pano úmido e deixar secar à sombra. Quando não puder mais ser reutilizado, basta ser descartado na lixeira ou destinado à compostagem, ambientes onde desaparece em cerca de dois meses.

 

Os idealizadores do produto, Lucas Bastos e Carla Ereno, explicam que entre as vantagens do Keep está a propriedade de conservação dos alimentos. A fina película que envolve o algodão é porosa, mantendo o alimento hidratado dentro da embalagem. “Isso permi-te que o alimento respire e troque o ar com o ambiente externo, o que é ótimo para conservação. Ele é semelhante à lógica da natureza no que se refere às cascas de frutas, cascas de ovos e até mesmo à nossa pele. E falando em conservação, lembramos que a cera de abelha tem propriedades antibacterianas, o que ajuda a preservar por mais tempo os alimentos”, explica Bastos.

 

 

Desde 2017 no mercado, a embalagem é produzida manualmente pelo casal, que se inspirou em um produto similar na Austrália, quando morou no país. O produto é confeccionado em diversos modelos e estampas coloridas, exalando um aroma agradável, derivado das matérias-primas utilizadas. Filha de apicultores, Carla começou a testar sozinha - ao voltar ao Brasil - receitas até conseguir chegar no produto ideal. “Depois de tantas tentativas, adaptações, erros e acertos, o produto ficou tão bom que pensamos em fazer dele um negócio e dar acesso a esse utensílio tão maravilhoso para mais pessoas”, conta Carla. “O Keep faz parte de um movimento internacional chamado Beeswax Food Wrap Movement, que está ajudando a reduzir a quantidade de plástico descartado no nosso planeta, sendo utilizado já em muitos países. Ao desenvolver a ideia no Brasil, queremos que o produto possa contribuir com a redução do impacto do plástico por aqui”, afirma Carla. Para os interessados em comprar o Keep, o acesso pode ser feito pelo site: www.keepeco.com.br

SIGA A VIP SHORE

  • Facebook
  • Instagram

Centro Empresarial Sibara

Avenida Brasil, 1500, sala 317

Centro | Balneário Camboriú

88.330-901

  • YouTube - Black Circle
  • instagram.com/vipshore
  • Facebook - Black Circle

CONTATO:  (47) 3264.9639  |  3361.0191   |   3398.3820   |   9936.0147