AFLORE SEUS SENTIDOS

Foto: Pixabay.com

Impossível não associar as temperaturas baixas do inverno aos variados sabores dos vinhos. Com a capacidade de despertar diversas sensações para os mais diferentes paladares, a bebida pode estar presente em diversas harmonizações gastronômicas. Também pode ser aproveitada como condimento no preparo de receitas salgadas – a exemplo de risotos e massas – e sobremesas, como o tradicional sagu ou a sofisticada pera ao vinho.

 

Na hora da correta harmonização, entram em cena enólogos, sommeliers e chefs de cozinha. Saber combinar o que vai no prato com o que é servido no copo é uma arte que ganha contornos especiais no sucesso de uma refeição. O sommelier Tony Radeke comenta que “consumir vinho e comida é uma experiência complexa. Trata-se de uma experiência sensorial, ou seja, usando nossos sentidos e influenciados por fatores psicológicos como as nossas emoções, teremos diferentes resultados de acordo com cada pessoa”. Na hora de compor os pratos, algumas regras são consideradas. Sabe-se, por exemplo, que vinhos brancos e rosés harmonizam mais com pratos leves, como saladas, peixes e frutos do mar, e com queijos mais suaves. Já os vinhos tintos combinam com pratos mais untuosos, como massas, carnes vermelhas e queijos curados. “O principal fator é o gosto da pessoa, devendo levar em conta a estrutura do vinho e o modo de preparo do alimento”, afirma o enólogo Nei Geraldo Rasera.

 

Rasera também aponta para os chamados “vinhos gastronômicos” que, apesar de não serem uma categoria de vinho, combinam com alimentos por seu processo de elaboração. “Vinhos gastronômicos são vinhos que possuem boa acidez, taninos intensos para a harmonização de diferentes pratos” explica. Como sugestão, o enólogo indica a truta da serra catarinense – grelhada na manteiga e temperada com cebola e alho - acompanhada de um Chardonnay – que também pode ser utilizado como condimento nesta receita.

 

O sommelier Radeke explica que muitas combinações clássicas nasceram em função da gastronomia típica de determinada região e de seus vinhos. Como exemplo, ele cita a França, onde nasceu a combinação de ostras com vinho branco, ou fois gras com vinho mais adocicado. Prestigiando a região Sul do Brasil, Radeke sugere a harmonização entre assado de cordeiro e vinho tinto espanhol.

SIGA A VIP SHORE

  • Facebook
  • Instagram

MAIS MATÉRIAS DESTACADAS

Mais que esporte, um estilo de vida

 

A BBQ Only Girls é o primeiro grupo de viagens de surfe feminino do Brasil. 

Tecidos com tecnologias
diferenciadas são aposta 

 

Para os apaixonados por design, que buscam combinar estilo sem agredir o meio ambiente...

Sai tubarão!

 

Ousada é a ideia da empresa Sharkbanz do Brasil, ao lançar no mercado o bracelete que se propõe afastar tubarões.

Centro Empresarial Sibara

Avenida Brasil, 1500, sala 317

Centro | Balneário Camboriú

88.330-901

  • YouTube - Black Circle
  • instagram.com/vipshore
  • Facebook - Black Circle

CONTATO:  (47) 3264.9639  |  3361.0191   |   3398.3820   |   9936.0147